terça-feira, 20 de janeiro de 2009

INTERRAIL - O pré-inicio

Pronto.
Para que nunca mais me esqueça e para que fique finalmente contada na integra toda a história do nosso interrail, decidi finalmente escrever uma espécie de... diário, mas no passado, visto que não escrevi nada na altura. (ao ínicio sim, mas era uma seca e durou 3 dias praí xD)

A rita tem uma espécie de diário que estava bastante fixe (e TEM, milagre dos milagres ela nao usou para uma fita do cabelo e GUARDOU!! :D :D :P ) mas como eram cartas que ela escrevia enquanto esperava que eu voltasse de museus e monumentos, eram só de alguns dias.
----------------------------------------------------------------------------------------------

Desde muito pequeno que tive este sonho. Sempre fui muito maníaco de mapas por uma única razão, tinha a vontade e ambição de ver e viajar por todos esses países que via no mapa e nos livros. Quando era mais puto uma das minhas brincadeiras até era fingir que andava de carro a viajar pelo mapa da europa xD E quando o meu pai me falou, num dia, de um "passe" que dava para andar pela Europa sem pagar, fiquei completamente deliciado a imaginar como seria, e a "planear" uma viagem imaginaria (de carro ou comboio) pelas varias capitais da europa, viagens que mais tarde - ao olhar para trás - pareciam-me ridículas porque uma viagem daquelas era impossivel em pouco tempo.
Prometi-me a mim próprio que, fosse com 10,20 ou 80 anos, eu IA fazer um interrail, nem que fosse sozinho.


Já varias vezes tinha sido tema de conversa um interrail, praticamente todos os anos "daqui a uns anos vens ter com a tua prima a barcelona e fazem os dois um interrail", "daqui a uns tempos pode ser que faças uma viagem dessas", e o entusiasmo crescia e punhame logo a imaginar rotas, mesmo sabendo que não ia a lado nenhum.
Outras vezes falava disso por alto, no secundário, a amigos que nem sequer pensavam nisso dado o gasto financeiro e mais ainda "pra que?" diziam (não eram mt inteligentes eles xD)

Na universidade nunca mais pensei nisso, tinha ja na mente que iria um dia fazer uma coisa dessas quando fosse adulto e tivesse dinheiro, mas um dia, antes de irmos de férias no verão de 2007, eu ia passar as minhas férias com a minha familia ao mesmo sitio que os outros todos (eu nao fui pk era pa ter ido a roma) mas em datas diferentes, e no ultimo dia de exames/aulas/ja nao me lembro, numa conversa com o cruz, ele dizia que "pró ano temos que organizar qualquer coisa o pessoal todo", e eu falei no interrail por alto e ele disse "sim, talvez, é uma ideia pro ano"

Com isto eu vi a minha oportunidade de realizar, no ano seguinte, o meu sonho e pus logo de parte as minhas poupanças para a carta e redirigi-as de imediato para uma futura viagem. Quando recomeçaram as aulas voltei a tocar no assunto para as férias do ano seguinte. A ideia foi aceite, mas tinha-se que arranjar mais 1 ou 2 tripulantes. Falou-se com pessoal (o datwo até se meteu mas... nao xD) mas a nes nao podia sair do algarve porque sim, o carlos nao pk da nes, e mts outros pk do dinheiro.
A única pessoa que aceitou (e ainda bem, porque AMÉN a ela ter vindo conosco pk das atitudes/accoes/coisas que ela fazia que faziam com que 30 e tal dias nunca fossem iguais xD) foi a rita que aceitou a ideia!

2 comentários:

João disse...

E que interrail! ^^

Nessa disse...

Olá,
Estou pensando em ir até Paris em setembro de autocarro como vcs fizeram. Aliás, obrigada por compartilhar as suas experiências...Mas gostaria de saber se a além do preço, é claro, a viagem vale a pena em termos de visual/paisagens.
Obrigada,
Vanessa.